Publicado em Brasil

Silas Malafaia estaria querendo fazer as pazes com Edir Macedo, diz jornalista; Pastor nega

pastor-silas-malafaia2O pastor Silas Malafaia, líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC), publicou um vídeo no último fim de semana falando sobre questões diversas ligadas ao meio evangélico.

O vídeo traz uma espécie de mea-culpa, pois o pastor diz que “é feio julgar uma pessoa você julgar uma pessoa por um ato errado”, e acrescenta que é natural do ser humano cometer injustiças: “Julgamos os outros com o pior que temos, e julgamos a nós mesmos com o melhor que temos”.

Mais à frente, Malafaia menciona o bispo Edir Macedo, líder da Igreja Universal do Reino de Deus, e sua antiga relação com ele, na época em que ele foi preso.

“Eu me lembro quando tentaram armar uma perseguição contra a Igreja Universal, que botaram o bispo Edir Macedo na cadeia […] Eu posso ter diferenças, mas a verdade não me peça [para omitir] porque eu tenho diferença com alguém. É normal. Paulo teve diferença com Pedro, com Barnabé. Isso é ser humano. Eu tenho discordâncias com vários líderes, e eles comigo. É um direito. Não os odeio. Botaram o cara [Macedo] na cadeia por pura molecagem. Eu fiquei tão indignado de ver aquilo… Parti pra dentro na TV. Sabe o que me disseram? ‘Malafaia, tu tá ferrado’”, relembrou o pastor.

Na sequência, Malafaia acrescentou que não se arrepende do episódio ocorrido há 23 anos: “Eu posso ter a minha diferença que é normal. Só no céu vai haver perfeita harmonia. Algumas coisas da minha vida, se eu voltasse atrás, não faria. Mas se tem uma coisa que eu faria, era defender eles [a Igreja Universal] de novo.

De acordo com o jornalista Lauro Jardim, da revista Veja, o vídeo do pastor teria sido “interpretado por muitos evangélicos como uma tentativa de amenizar as críticas feitas a Edir Macedo durante a campanha ao governo do Rio de Janeiro”, quando “Malafaia desceu a borduna no bispo no horário eleitoral gratuito e bateu boca com Marcelo Crivella em um debate promovido por VEJA” na capital fluminense.

No entanto, o próprio jornalista adicionou a informação de que a especulação sobre as motivações do pastor para fazer o vídeo são infundadas: “Malafaia nega que esteja querendo levantar uma bandeira branca para Edir Macedo”, escreveu Jardim.

Ao final do vídeo, Malafaia diz que “estamos vivendo um momento muito delicado” no país, e que “precisamos orar” pela nação: “Na época da eleição, eu botei pra quebrar contra o governo. [O PT] ganhou a eleição? Eu tenho que orar. Não tem jeito, gostando ou não, você tem que orar. É o que a Bíblia manda. Não queremos ver o Brasil no caos”.

Fonte: Gospel +

Anúncios

Autor:

Jornalista por profissão e discípula por vocação com o compromisso de ser relevante para o Reino de Deus!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s